Pode parecer estranho, mas é sim possível viajar sem falar inglês. Atualmente, o inglês é quase uma língua universal, muitos lugares adotaram o inglês como primeira língua, ou até com secundária.

Com o avanço da internet, ganhamos a tradução simultânea com aplicativos, como o próprio da Google. Mas, mesmo sem internet, existem outros jeitos de se comunicar, como a mímica, gestos, desenhos.

Porém, obviamente que falar inglês ou a língua do lugar que você vai viajar, facilita muito a comunicação, principalmente a negociação. Certamente, a viagem será mais desafiadora, mas vale a pena ter essa experiência.

COMO TIRAR PASSAPORTE? CONHEÇA TODOS OS PASSOS PARA OBTER O SEU

Geralmente, as pessoas possuem esse receio da barreira da língua por pensar nos problemas que podem ocorrer durante a viagem e não ter o poder de fala. Entretanto, foque nas coisas boas que uma viagem pode lhe proporcionar.

Porque, viajar abre sua mente, faz com que você conheça pessoas e culturas novas. Certamente, você vai ter muita história para contar. Então, confira algumas dicas de como realizar essa viagem sem falar inglês ou a língua do destino.

Dicas para viajar sem falar inglês

1. Invista em um chip de internet bom, que dure a sua viagem toda.

2. Pesquise muito sobre os lugares que vai

Leia sobre as cidades, os meios de transporte, pontos turísticos. Pois, tudo que puder ler e absorver sobre o lugar vai facilitar sua viagem e te deixar mais seguro.

3. Faça um roteiro

Um roteiro organizado e detalhado. Além disso, tenha ele acessível durante a viagem, seja impresso ou pelo celular. Nele deve constar os nomes dos lugares que vai visitar e da sua hospedagem, e respectivamente os endereços. Assim, se você precisar de ajuda, basta mostrar esse roteiro e assim a pessoa vai conseguir te orientar.

VISTO PARA BRASILEIROS: CONHEÇA OS LUGARES QUE É POSSÍVEL VIAJAR SEM VISTO

4. Pesquise palavras chaves

Faça uma nota no seu celular com palavras chaves na língua. Como banheiro, restaurante, aeroporto, ônibus, ajuda, obrigada, comida, palavras que você pode precisar. Portanto, lembre-se que você não precisa saber frases completas para ser compreendido.

5. Não tenha vergonha

Faça mímicas, desenhos, aponte. Muitas vezes as pessoas locais estão acostumadas a encontrar pessoas que não saibam a língua e vão te ajudar. Se souber falar o mínimo, não tenha medo de tentar. Ademais, errar é normal e com o tempo você pega a prática, como tudo na vida.

6. Vá com calma

Na hora de montar o roteiro de viagem, saiba que você vai precisar de um tempo para encontrar os lugares, fazer perguntar, etc. Então, faça um roteiro tranquilo, isso evitará que você entre em pânico.

7. Aposte em guias

Compre aqueles guias de bolso sobre o destino escolhido, e leve junto com você durante a viagem. Isso te ajudará a se localizar, já que estará na sua língua.

VIAJAR MAIS: 10 MOTIVOS PARA FAZER ISSO

8. Escolha o destino certo

Se essa será sua primeira viagem sem falar inglês, comece por um destino mais fácil. Escolha destinos internacionais mais simples. Como Buenos Aires, Portugal ou Espanha. Em Orlando, o que mais se encontra são brasileiros de férias. Além disso, muitas pessoas falam espanhol na região.

9. Ande com uma carregador portátil

Se for usar a internet a seu favor, não se esqueça de andar com um carregador portátil. Pois, vai que precisa do celular e ele te deixa na mão, sem bateria.

10. Use aplicativos

Como citado anteriormente, o Google é uma ótima opção, tanto para tradutor como para mapas. Com o maps você consegue se localizar em tempo real, sem precisar ficar pedindo informação toda hora. Já com o tradutor, você consegue pesquisar como se fala uma palavra ou frase, escrever a frase traduzir e mostrar para a pessoa ler, pode tirar foto de algo escrito em outro idioma, como um cardápio ou placa, que o aplicativo traduz. Enfim, existem muitas funções que quebram um galho. Para ambos, existe a opção off-line.

MELHORES APLICATIVOS DE VIAGEM

11. Contrate um seguro viagem

O seguro viagem te assegurará em caso de doença e acidente. É importante ter, principalmente se você não fala a língua. Em alguns países o seguro viagem é obrigatório. Então, pesquise sobre os planos disponíveis e escolha o mais apropriado para o seu caso.

Conclusão

Em suma, para viajar sem saber falar inglês é necessário muito desprendimento e um espírito aventureiro. Não se limite a viajar por conta disso, a experiência com certeza será muito agregadora. Foque em curtir ao máximo sua viagem, sem se preocupar. Não sofra por antecipação pelos problemas que podem surgir. Então, se a pessoa não te entender, agradeça e siga em frente, tente de novo com mais alguém.