O que é viagem corporativa?

Viagem corporativa ou turismo corporativo, é quando um ou mais funcionários viajam para determinado lugar em nome da empresa. Seja para participar de eventos corporativos ou para prosperar clientes, fornecedores ou parcerias.

A empresa que decide o melhor destino, objetivos e quais funcionários irão. Assim como, arca com todos os custos, como a hospedagem, transporte, alimentação e segurança.

Quer saber quais vantagens a viagem corporativa pode agregar ao seu negócio? Leia este outro artigo: TURISMO CORPORATIVO: 10 DESTINOS PARA VIAJAR A NEGÓCIOS.

Para que a sua viagem corporativa seja um sucesso total, separamos 8 dicas de como economizar em todo o processo.

Como economizar nas viagens

1. Como economizar nas passagens

Uma viagem corporativa demanda planejamento detalhado, antes da compra das passagens é necessário definir: quais e quantos funcionários irão viajar.

Compre as passagens com antecedência, assim você economiza. Porque comprar pelo menos 30 dias antes, evita a instabilidade dos preços das passagens. Mas o indicado para viagens internacionais é de 90 dias de antecedência.

Uma dica para quem vai comprar online, é configurar um serviço de alerta para promoções e quedas de preços de passagens aéreas. Existem vários serviços que oferecem isso, opções pagas e gratuitas.

Além disso, os programas de milhas oferecem muitos benefícios para essas viagens.

Opte por comprar as passagens em lugares que ofereçam flexibilidade nas datas da viagem. Assim você poderá alterar caso aconteça algum imprevisto.

2. Tenha um bom seguro para acidentes e doenças

Muitas situações podem ser evitadas com um planejamento detalhado. Entretanto, imprevistos podem acontecer em qualquer tipo de viagem.

Acidentes, graves ou não, podem acontecer. É importante que a empresa zele pela segurança de seus funcionários, ainda mais em viagens a negócios.

Ter um bom seguro que cubra acidentes e doenças evita dor de cabeça e despesas adicionais durante a viagem.

3. Economizar na hospedagem

As reservas feitas de última hora, geralmente são mais caras, além de apresentar poucas opções. Então, a dica principal é não deixar esse tópico por último. Já que, boa parte do orçamento destino às viagens corporativas, é consumido pela hospedagem.

Uma ideia é criar parcerias com essas redes de hotéis, para evitar a variação dos preços durante as altas temporadas. Além de receber promoções e datas fixas de reservas.

Esse método oferece mais tranquilidade aos funcionários e mais praticidade e economia para a empresa. Entretanto, essa parceria só é vantajosa quando a corporação tem o hábito de fazer um grande volume de viagens.

Uma opção mais fácil é utilizar o Airbnb para alugar quartos, casas ou apartamentos. O aplicativo oferece uma variedade de opções de lugares, preços e tamanhos. Por isso, a empresa consegue reduzir gastos e, ao mesmo tempo oferecer conforto aos seus colaboradores.

4. Economize no transporte

Uma viagem corporativa dispõe de gastos com a locomoção entre aeroporto, hotel e os locais dos compromissos. Os funcionários não podem correr o risco de atrasar nesses eventos.

Seria interessante recorrer a locação de veículos para esse tipo de viagem. Pois, o carro concilia muitas vezes economia, segurança e praticidade.

O veículo fica a disposição sempre que for necessário, com a possibilidade do uso de um GPS para se localizar na nova cidade.

5. Oriente a equipe interna

De nada adianta só a empresa adotar práticas para economizar durante as viagens corporativas. Se a equipe selecionada para a viagem não adota formas de economizar também.

A empresa deve cobrar e incentivar seus funcionários a assumirem essas boas práticas de como economizar também. Ou seja, economizar deve fazer parte dos valores da empresa.

Uma ideia é recompensar os funcionários que se destacarem nesse requisito. É possível presentear com voucher de compras ou dias de folga seus funcionários, que economizam e mantem um bom nível de trabalho durante a viagem. Bem como, cria uma competição saudável entre os funcionários que mais viajam a negócios, reforçando valores como economia e desempenho.

6. Como economizar nas refeições

Com certeza a melhor refeição são as oferecidas em restaurantes, tanto em preço como em qualidade. A empresa precisa proporcionar comidas saudáveis aos seus funcionários.

Além da questão da saúde, comer bem é um dos principais fatores para manter o bom desempenho no trabalho.

7. Controle os gastos

As viagens corporativas são a cima de tudo um investimento. Seus custos não são baixos, mas no futuro apresentam grandes vantagens para a sua empresa.

Para evitar que fique mais caro do que precise ser, é importante manter um controle rígido sobre os gastos.

Antes de tudo, a empresa precisa separar o orçamento para a realização da viagem. As despesas devem ser baseadas em quanto a empresa tem de verba.

Avalie quais são as viagens realmente necessárias e estabeleça uma forma eficaz de aprová-las, evitando prejuízos como cancelamentos e pagamentos de taxas ou multas. É importante determinar valores para cada atividade da viagem.

8. Saiba quem chamar

Se considera o controle difícil de ser feito, contrate um especialista em viagens corporativas. Ele irá reavaliar periodicamente os gastos, estudando estratégias e alternativas de como economizar nas suas viagens

Nós da Euro Star podemos te ajudar a planejar e executar sua viagem corporativa de maneira econômica. Nossa equipe planeja com antecedência todos os detalhes da sua viagem, como passagens, hotéis e transporte. Entre agora em contato conosco para mais informações.

Você poderá acessar nossos planos de viagem personalizados para seu negócio, o que te ajudará a tomar as decisões estratégicas que levarão a reduções significativas em seus custos.

Conclusão

Se você quiser mais dicas sobre as viagens corporativas, leia este outro artigo: VIAGENS CORPORATIVAS: 7 DICAS PARA PROFISSIONALIZAR A OPERAÇÃO

Que tal deixar nos comentários quais dessas práticas de como economizar você utiliza nas suas viagens corporativas e também quais outras você recomenda! Assim você ajuda outras empresas na gestão das viagens corporativas.